Tax Free na Europa: saiba como funciona

Viajar para a Europa sem realizar aquelas comprinhas de praxe é praticamente impossível, não é mesmo? É lembrancinha para a mãe, para a sogra, para o cunhado, para os filhos. A boa notícia é que você pode ter parte do valor gasto com essas “comprinhas” através do reembolso de impostos, ou seja, do Tax Free na Europa.

 

Com o ressarcimento dessa taxa extra, é possível comprar roupas, eletrônicos, maquiagens, brinquedos e ainda economizar alguns euros. Veja a seguir o que é, como funciona o reembolso de impostos e como solicitar o seu Tax Free.

 

Tax Free: o que é?

 

Em qualquer lugar do mundo, quando compramos algo estamos pagando também alguns impostos locais, que são embutidos no valor final do produto. Esses impostos servem como arrecadação de receita, para serem posteriormente revertidos em benefícios à população local.

 

Porém, como você é um turista, certamente não irá usufruir dos benefícios sociais gerados por estes impostos. Sendo assim, parte deles é devolvido antes que você deixe o país. Estamos aqui falando do reembolso do IVA (Imposto sobre o Valor Acrescentado), mais conhecido na Europa como VAT (Value Added Tax).

 

Também chamado de Tax Refund ou devolução de VAT, a devolução desse imposto garante cerca de 18% a 25% do valor do produto. Isso significa que fazer compras na Europa pode ser ainda mais vantajoso. Isso porque além do preço mais em conta de algumas mercadorias, elas podem sair ainda mais baratas com o Tax Free.

 

Regras do Tax Free na Europa

 

O programa de reembolso de impostos fomenta o turismo, pois devolve ao visitante daquele país o valor do IVA dos produtos comprados em países como Portugal, Espanha e França, por exemplo. E por falar em França, conheça os principais feriados do país para programar sua viagem.

 

Voltemos às regras. A primeira regra do Tax Free é com respeito ao seu uso. Isso porque o reembolso de impostos só é feito para produtos adquiridos no país e que possam ser exportados para o país do turista. Sendo assim, o Tax Free não reembolsa valores gastos na contratação de serviços como hotéis e passeios guiados. Muito menos valores gastos em restaurantes.

 

Já a segunda regra é menos exigente. Para ter parte do seu dinheiro de volta, você não deverá retirar as etiquetas dos produtos. Principalmente se esses produtos forem roupas e calçados.

 

Para ter direito ao Tax Free na Europa é preciso ficar atento às regras do país em que se está comprando. Cada país europeu exige um gasto mínimo para que o reembolso seja validado.

 

Por esse motivo, é importante conhecer essas informações o quanto antes, para poder planejar melhor as compras. Assim, dá para voltar para o Brasil com vários produtos novos e saldo positivo na conta corrente.

 

Como solicitar o Tax Free na Europa?

 

Tax Free na Europa

Premier Tax Free

 

Para poder conseguir o reembolso do VAT, é necessário que as lojas onde as compras forem efetuadas estejam cadastradas no sistema. Como essa não é uma obrigação, vale a pena perguntar sobre o Tax Free antes de gastar os seus euros.

 

Depois de ter se certificado que a loja escolhida por você é conveniada ao Tax Free, faça suas compras normalmente. Em seguida, ao pagar suas compras, solicite a nota fiscal e o formulário para o reembolso do VAT. Você será convidado a apresentar o seu passaporte, como forma de comprovar que é estrangeiro.

 

Feito isso, peça a assinatura do representante e o carimbo da loja no formulário, porque senão, o mesmo não terá validade. Depois, anexe a(s) nota(s) fiscal (is) no formulário e apresente-as no aeroporto ou porto de saída do país. Cabe mencionar que depois de efetuada as compras, você tem um prazo de 90 dias para solicitar o seu reembolso.

 

Validando o Tax Free no aeroporto ou porto

 

A solicitação da devolução do VAT requer o cumprimento de algumas burocracias no aeroporto ou porto. Vale ressaltar que você não será o único a fazer esse processo, portanto, é fundamental chegar algumas horas antes do horário marcado para o seu voo ou embarque.

 

No aeroporto, a regra é realizar o pedido de reembolso no último país europeu que servirá como ponto de partida para o Brasil. Para realizar o estorno do IVA, basta seguir o passo a passo abaixo:

 

  • Primeiro, faça o check-in do voo que vai lhe trazer de volta para o Brasil;
  • Apresente o seu passaporte, o formulário do Tax Free e as notas fiscais ao agente alfandegário do aeroporto;
  • Depois que o agente tiver aprovado e carimbado a sua documentação, dirija-se até um dos postos de reembolsos localizados nos terminais de embarque do aeroporto. Entre as empresas que prestam o serviço, podemos destacar a Global Blue e a Premier Tax Free;
  • Lá, apresente a documentação aprovada anteriormente (notas fiscais, formulário Tax Free e passaporte). É bom ter por perto os produtos para os quais está solicitando o reembolso do imposto;
  • Por último, basta escolher como quer ser ressarcido, por dinheiro ou cartão de crédito.

 

Feito os processos burocráticos, o reembolso pode se dar entre alguns dias no cartão de crédito ou na hora em caso de opção pelo dinheiro. A opção pelo ressarcimento em espécie pode acarretar em filas, por isso, é importante chegar com bastante antecedência.

 

É importante verificar sobre o horário de atendimento da empresa de reembolsos. Se o seu voo ou embarque for de madrugada, por exemplo, o posto de atendimento pode estar fechado. Nesse caso, não se desespere, porque dá para solicitar o reembolso um dia antes da viagem.

 

Concluindo

 

O pulo do gato do Tax Free na Europa é sempre ficar de olho nos itens e lojas cobertos pelo sistema, já que só participam do reembolso os itens que podem ser levados com você em sua viagem de volta.

 

Observados os requisitos e exigências para solicitar o reembolso do VAT em países europeus, você pode economizar muito dinheiro, garantir uma viagem incrível e ainda reservar recursos financeiros para a próxima viagem! E não se esqueça, se precisar de um guia em português, entre em contato com a GIMtravel.

No Comments Yet.

Deixe seu comentário.

%d blogueiros gostam disto: