Excesso de bagagem: quanto custa?

Viajar com excesso de bagagem pode ser uma surpresa bem desagradável e cara. Para se ter uma noção, muitas vezes é mais barato pagar uma mala extra do que a bagagem excedente.

É claro que em algumas situações é difícil se conter na hora de fazer a mala. Além disso, as regras mudam frequentemente e deixam muitos viajantes confusos, sem contar o fato de que os valores são distintos de voos nacionais para internacionais.

A seguir você vai entender melhor quanto custa o excesso de bagagem e como evitá-lo. Assim, poderá programar a sua viagem para a França sem gastos adicionais. Acompanhe!

Como é definido o valor do excesso de bagagem?

A princípio não existe uma resposta exata para essa questão por um motivo simples: dependerá da companhia aérea que você irá voar. Cada uma delas tem uma política diferente com relação ao excesso de bagagem. Ainda, elas levam em conta outros fatores:

  • Trecho da viagem;
  • Tarifa da passagem comprada;
  • Tipo de bagagem.

Portanto, o ideal é sempre consultar a sua companhia antes de viajar. Algumas empresas não aceitam malas com mais de 32 kg para determinados países, por exemplo. Nesse caso você deve fazer o envio de forma separada com outra logística.

Além disso, lembre-se de que muitas vezes é mais vantajoso garantir uma bagagem extra com antecedência. Isso evita pagar um excesso que poderia sair muito mais caro.

Excesso de bagagem: voos nacionais e internacionais

Segundo a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR), o excesso de bagagem se caracteriza quando você ultrapassa o limite da franquia adquirida na sua passagem. Uma resolução da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) levou as empresas a cobrarem por volume.

Portanto, você não pode distribuir 23 kg entre várias peças, pois vale apenas em uma. Confira logo abaixo as informações conforme as principais companhias aéreas nacionais e internacionais!

LATAM

A empresa voa tanto dentro do Brasil quanto para fora, incluindo a Europa. A LATAM não transporta malas acima de 45 kg em nenhum dos dois casos e o padrão da empresa é de 23 kg e 158 cm lineares para voos nacionais. Já voos para a Europa ou Oceania, aumentam para o limite de 32 kg por peça.

A LATAM alerta que o valor do excesso de bagagem dependerá da data do voo. No geral, os valores são de R$ 175 para excessos entre 23 e 32 kg e R$ 350 entre 32 e 45 kg em voos domésticos dentro do Brasil.

Já em voos do Brasil para a Europa, o excesso custa USD 100. O mesmo valor se aplica para os voos ao Canadá e Estados Unidos.

GOL

Já a GOL cobra por quilos a mais. No caso da companhia, o limite de uma peça em voo nacional é de 45 kg e de 32 kg em voos internacionais.

Quanto ao valor do quilo excedente, a GOL cobra R$ 25 por cada um em voos dentro do Brasil. Já em voos internacionais o valor aumenta para R$ 40. Contudo, tenha atenção: é permitido comprar no máximo 200 kg extra.

Azul Linhas Aéreas

Assim como a GOL, a Azul também não permite despachar acima de 45 kg por peça. Segundo o site da empresa, os voos do Brasil para os Estados Unidos cobram US$ 150 para excessos acima de 23 kg. O valor é o mesmo para bagagens acima do tamanho de 158 cm até 320 cm. Já os voos para a Europa operam com 150€ no excesso.

Air France

De maneira idêntica, a Air France também baseia o seu valor por excesso de bagagem conforme o peso excedente e a rota. Além disso, quem desejar viajar com mais de três bagagens deve entrar em contato com antecedência para que a companhia aérea possa orientar o passageiro quanto aos procedimentos necessários.

Se você vai viajar para a França, por exemplo, o site da companhia informa que as bagagens acima da franquia de 23 kg deverão pagar 70€. Porém, isso pode variar conforme a rota do seu voo em outros países da Europa.

TAP Portugal

Outra que também varia a sua cobrança conforme a rota da viagem é a TAP. Confira alguns valores cobrados para o excesso de bagagem de 23 kg a 32 kg conforme diferentes destinos:

  • Portugal, Espanha e Norte da África: 85€;
  • Bélgica, Holanda, França, Alemanha, Reino Unidos e mais: 95€;
  • Rússia, República Tcheca, Finlândia e mais: 105€;

Alitalia

Por fim, chegou a vez da Alitalia, outra companhia que voa para a Europa do Brasil. No site da empresa é possível encontrar valores para o excesso de bagagem que giram em torno de 100€ a US$ 125, conforme os países da viagem.

E por falar em viajar para o exterior, você sabe como tirar o passaporte?

Dicas para evitar o excesso de bagagem

Se você está se preparando para viajar e já pensa em evitar problemas com o excesso de bagagem, algumas dicas podem ser importantes. Confira as principais:

  • Verificar com antecedência os limites de peso e tamanho da sua franquia com a companhia aérea;
  • Pesquise sobre a temperatura no seu local de destino e evite levar itens desnecessários. Para isso, conte com os serviços de planejamento de viagem da GIMtravel;
  • Evite deixar a compra de uma bagagem extra para a última hora, pois o valor aumenta consideravelmente;
  • O excesso de bagagem é cobrado somente no momento do embarque, por isso pese as suas malas antes.

Planeje a sua viagem com a GIMtravel

Não há dúvidas de que o planejamento é a melhor forma de evitar qualquer imprevisto na sua viagem! Nesse sentido, conte com a GIMtravel. Somos uma empresa de serviços turísticos e estamos localizados em Lyon, na França. Portanto, se você estiver pretendendo visitar o país da Torre Eiffel com segurança e exclusividade, nós podemos ajudar.

Oferecemos assessoria antes e durante a sua viagem, incluindo dicas incríveis de viagem, que vão ajudá-lo a organizar as malas e evitar o excesso de bagagem. Além disso, também elaboramos roteiros personalizados e visitas guiadas em português, para que você possa aproveitar ao máximo a sua viagem com comodidade e segurança.

Gostou? Então entre em contato conosco e obtenha um orçamento personalizado!

No Comments Yet.

Deixe seu comentário.

%d blogueiros gostam disto: