Descubra a Alsácia, uma França com um toque alemão

colmar-Pixabay

Colmar, Alsácia – França. Foto: Pixabay

 

Espremidinha entre a Alemanha e a Suíça está a Alsácia, uma região francesa encantadora, cheia de charme e de muita história para contar a todos os seus visitantes. Vilas floridas, arquitetura enxaimel e cardápio dividido entre iguarias francesas e alemãs, a Alsácia é um destino arrebatador e surpreendente, que possui atrações imperdíveis para públicos de todos os gostos e idades. A seguir listamos alguns motivos (bons motivos) para você desejar visitar a região o quanto antes:

A Alsácia possui cinco das mais belas aldeias da França:

 

Se você está de passagem pela França, inclua a Alsácia em sua lista de lugares interessantes para visitar e permita-se viajar através do tempo ao conhecer uma região encantadora, cheia de vilarejos lindos e medievais, cinco deles listados como “Les Plus Beaux Villages de France” (as mais belas aldeias da França, em português). Os vilarejos de Eguisheim, Hunawihr, Hunspach, Riquewih e Mittelbergheim possuem ruelas estreitas, fontes d’água e casinhas coloridas que mais parecem ter saído de um conto de fadas. E por falar em conto de fadas, a cidade de Riquewihr, na Alsácia, é o cenário do romance A Bela e a Fera, sabia?

 

Riquewihr - Pinterest

Riquewihr, na Alsácia – França. Foto: Pinterest

A Alsácia possui uma arquitetura tipicamente alemã.

 

A arquitetura da Alsácia é do tipo enxaimel, uma técnica construtiva alemã muito antiga, que consiste em montar paredes com estruturas de madeiras preenchidas com tijolos, pedras ou argamassa. Na maioria das casas alsacianas essas estruturas de madeira ficam aparentes nas fachadas, posicionadas horizontalmente, verticalmente ou até mesmo de forma inclinada. Esses detalhes produzem um efeito visual singular nas edificações, semelhante ao de colmeias de abelhas. Daí o nome de enxaimel. O charme da região fica por conta do colorido das suas casas, que combina com o humor dos habitantes locais.

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Arquitetura enxaimel da Alsácia. Foto: Free Images

A Alsácia é um paraíso cultural!

 

A Alsácia é uma região francesa que sofre grandes influências da cultura germânica. E esse fato não é apenas observado na arquitetura de estilo enxaimel de seus vilarejos, também pode ser sentida na culinária local, onde o chucrute (prato típico alemão) divide espaço no cardápio com o foie grás, iguaria francesa. Além da gastronomia dividida entre França e Alemanha, a Alsácia também possui monumentos artísticos e culturais com séculos de história como igrejas, museus e fortalezas medievais.

 

culinária Estrasburgo - Pixabay

Culinária da Alsácia – Pixabay

Possui uma rota de vinhos com mais de 170 km.

 

A Rota dos Vinhos da Alsácia é um passeio imperdível entre vilarejos da região, produtores dos melhores vinhos da França. Esse percurso, que começa na cidade de Estrasburgo e termina um pouco depois de Colmar, é cheia de vinhedos onde se cultivam as melhores uvas do país. Os vinhos produzidos na região são feitos com uvas Pinot Gris, Riesling, Sylvaner, Gewürztraminer e Muscat, todas brancas e de castas nobres. Vale a pena parar para conhecer um pouquinho das cidades que fazem parte da rota, pois além dos melhores vinhos da região, elas também possuem muita história para contar. Entre os vilarejos participantes da Route des vins d’Alsace, destacam-se as cidades de Estrasburgo, Colmar, Obernai, Bergheim, Dambach-la-Ville, Riquewihr (uma das mais belas do trajeto), Kayserberg, Ribeauvillé e Éguisheim. Mas não se assuste com tantos nomes de pronúncias difíceis! É possível conhecer esses e outros vilarejos da Alsácia com guias em português, equipe de profissionais oferecida pela GIMtravel.

 

Route des vins d'Alsace.

Rota dos vinhos da Alsácia. Foto: Fotolia

A capital da Alsácia é Patrimônio da Humanidade.

 

Localizada às margens do Rio Reno, você vai encontrar a cidade de Estrasburgo, capital da Alsácia e a principal cidade da região. Com mais de dois mil anos de história para contar, Strasbourg é uma das regiões alsacianas que mais sofre influência da cultura alemã, pois fica na divisa entre os dois países. Estrasburgo possui uma culinária com pratos típicos alemães, como chucrutes, salsichões e pretzels. Além disso, vários de seus monumentos também lembram o domínio alemão por aquelas terras, como é facilmente percebido no prédio da Biblioteca Nacional, que possui esculturas de autores como Goethe (romancista e filósofo alemão). A Catedral de Notre-Dame, edificação cristã em estilo gótico, é simplesmente magnífica e possui um famoso relógio de mais de 18 metros, projetado por relojoeiros suíços. Listada como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, Estrasburgo é um paraíso cultural de braços abertos para receber com muito entusiasmo todos aqueles que estão em busca de fazer uma gloriosa viagem no tempo.

 

a-catedral-de-estrasburgo-Pinterest

Catedral de Notre-Dame, Estrasburgo. Foto: Pinterest

 

Como chegar até a Alsácia, partindo de Paris?

 

Uma das melhores maneiras de ir de Paris para a Alsácia é de trem. Você pode pegar o TGV (trem de alta velocidade) na estação Paris Charles de Gaulle e ir até Estrasburgo, capital da Alsácia. A viagem, que possui um pouco mais de duas horas de duração, o levará até o coração da mais linda região francesa, repleta de vilarejos medievais e monumentos de séculos de história. De Estrasburgo, faça a conexão com as cidadezinhas locais de carro alugado ou de bicicleta, mas tenha sempre consigo a companhia de guias turísticos brasileiros, parceiros da GIMtravel.

 

E então, já sabe por onde começar a sua visita pela Alsácia? Entre hoje mesmo em contato com a GIMtravel e garanta um passeio inesquecível.

No tags 1 Comment 0
1 Response

Deixe seu comentário.

%d blogueiros gostam disto: